Equilibrando prioridades para obter maior retorno e uma experiência de viagem corporativa melhor

Arlene Coyle Global Head of Corporation Sales, Amadeus

0
257

As viagens corporativas exigem equilíbrio contínuo. As empresas buscam obter maior retorno sobre o investimento (ROI) e a garantia de que seus funcionários serão bem cuidados. Os viajantes buscam uma experiência de viagem personalizada e responsiva. Às vezes, parece que equilibrar esses dois aspectos é uma tarefa impossível ou que, certamente, não é fácil. Mas há um caminho a seguir, no qual os interesses das empresas e dos viajantes coincidem.

O Managed Travel 3.0 vai além da possibilidade de personalização para o viajante, oferecendo uma gestão holística e interativa de políticas corporativas para empresas, viajantes e também para agências de viagens multinacionais. O relatório da LSE, Managing Every Mile, delineia uma estrutura com cinco etapas para que as empresas possam ter uma abordagem mais holística das políticas corporativas. O relatório detalha como a maioria das empresas pode obter um ROI maior, é preciso apenas de orientação e estrutura.

As cinco etapas da gestão de viagens

Sourcing estratégico de políticas corporativas, aquisições em políticas corporativas, dever de cuidar do viajante, gestão de despesas, e análise e feedback são as cinco etapas da gestão de viagens. Ao segui-las, os compradores de viagens e as empresas devem esperar um aumento significativo do ROI relativo às viagens. As duas primeiras etapas envolvem lidar com o sourcing estratégico e as fases de aquisição. A terceira etapa indicada na estrutura refere-se ao dever de cuidar do viajante e de sua experiência.

A quarta etapa requer lidar com sistemas de gestão de despesas complicados, o que significou um motivo de aborrecimento para dois terços dos entrevistados. O envio e a avaliação das despesas permanecem sendo um processo manual e lento para muitas empresas, frustrando tanto os viajantes quanto os gestores. CFOs, em particular, ressaltaram a necessidade de relatórios de despesas granulares, que destaquem áreas específicas para melhoria.

80% dos executivos relataram que sentiam que não tinham as informações necessárias para reforçar sua estratégia de políticas corporativas. Isso é causado pela ausência de captura de dados, que compõe a quinta etapa em nossa estrutura. Os canais gerenciados para sourcing e compra devem ser criados para integrar dados, análises e repetições de feedback inestimáveis. A conformidade pode ser medida e novas oportunidades de sourcing, identificadas.

A tecnologia é um facilitador de viagens corporativas mais inteligentes

A tecnologia legada representa um obstáculo tangível para qualquer empresa que busque agilizar seus processos. Para a otimização das políticas corporativas, a tecnologia é o facilitador básico, e todas as etapas do processo dependem dela. Além disso, os recursos mobile evoluíram de um “luxo” para uma necessidade esperada em políticas corporativas.

E, por fim, a análise de práticas recomendadas utiliza uma cadeia integrada e automatizada que capta os custos e o comportamento em cada etapa das políticas. A gestão de políticas corporativas não é um processo único, nem é responsabilidade exclusiva de um único departamento. Obter o ROI é um processo iterativo que depende da união de diferentes partes das organizações para definir objetivos, fornecer a tecnologia correta e ajustar continuamente o processo para se certificar de que ele está funcionando.

Em última análise, porém, se a política corporativa for projetada considerando o viajante, haverá uma conformidade muito maior com a política, e o investimento feito na satisfação e na segurança dos funcionários, bem como o investimento geral em viagens, serão maximizados. Então, da próxima vez que você pensar em seus viajantes ou que receber um relatório de despesas que considere despesas fora das políticas, ou quando tiver um incidente em que precise monitorar seus viajantes, vale a pena pensar na estrutura de cinco etapas.

Faça download de nosso relatório, Better Business, Smarter Travel, para mais informações.